Casa da Sogra - Aqui vale falar de tudo!


AGRADECIMENTOS

Quero agradecer à vida, mas não vou ficar agradecendo saúde, acertos, sucessos, amores...nada disso, bem ao contrário.

 

Agradeço os erros, sim erros, pois eles me ensinaram a acertar.

Agradeço as traições que me mostraram realidades.

Agradeço a dor que me ajudou a valorizar momentos sem ela.

 

Vida, obrigada pelos tempos de tristeza, depois deles vivo intensamente os felizes.

Vida, obrigada pelas ofensas que recebi, pois me ensinaram a ser paciente.

Vida, obrigada pelos desamores que valorizaram os amores.

Vida, obrigada pelas doenças, pois aprendi a cuidar da saúde.

 

Obrigada inimigos! Vocês me ensinaram a amar amigos!

Obrigada chuva que me faz amar o sol!

Obrigada derrotas que incentivaram minhas vitórias!

Obrigada cor cinza por me mostrar a beleza das cores.

 

Valeu rotina! Para fugir de você desenvolvi criatividades!

Valeu obrigações maçantes! Por vocês as horas de laser ficaram sublimes!

Valeu trabalho, você criou o prazer do descanso!

Valeu maturidade, vi que me manter criança é necessário!

 

Vida, obrigada ... Vida valeu... agradeço pelas lições!

 



Escrito por Hilda às 10h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


COMO DEFINIR...

O infinito.

O sabor da Coca-Cola.

A esperança sem otimismo.

O agora, se cada segundo é um agora.

O amor.

A crueldade não sendo loucura.

O perfume da rosa.

A sensação da cor.

O espírito.

A extensão de um amor.

O prazer do chocolate.

A atração entre dois seres humanos.

O amanhã

A loucura.

O deslumbramento.

A medida da inteligência.

O inacessível.

A consciência.

O oculto.

A inspiração.

O ser humano.

A preferência da maioria, diferente da nossa.

 

Inexiste um projeto básico para o homem verdadeiro, uma essência definidora do homem, porque cada um se define a si mesmo e assim, é uma verdade para si.”

 

Soren Aabye Kierkegaard , filósofo dinamarquês (1813-1855)

 



Escrito por Hilda às 23h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


DEPOIS DA FESTA

Antes do grande acontecimento é dedicação exclusiva, é eterno pensar em detalhes que agradam e dão prazer, é sonhar com a felicidade, é fantasiar loucuras.

 

A festa acontece esplendorosa, alegria fácil, felicidade imensa, é viver intensamente todos os momentos.

 

Até o adeus que finaliza a festa.

 

Ao olhar os restos da festa, como terra ressequida, extenuada e com pouca vida, o espírito sente os primeiros sinais da partida da companheira dos dias de preparação e do dia da realização, a euforia.

 

O despertar para a nova realidade traz o desânimo extenuante, como se algo tivesse sido arrancado do âmago. As mãos se mostram vazias, o pensamento não se fixa em nada, somente a falta do que passou se manifesta.

 

A mim, tudo que é intenso demais sobrevém o tédio quando acaba...

 

Pode ser uma festa, um projeto a ser realizado, um relacionamento...  

 

Mas o tempo destrói o tédio, restaura a vida e conserva as marcas...

 



Escrito por Hilda às 23h51
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


SER BELO E SER FEIO

SER BELO E SER FEIO

 

O ser é belo e o ser é feio, todos.

O lado belo resplandece e esconde o feio.

Ama-se o ser belo até o ser feio se mostrar.

E quem viu o ser feio, olvida o ser belo

Como se somente fosse um ser belo.

Não é!

Ninguém é um ser belo integralmente.

 

Ser belo é ser generoso

Ser feio é ser arrogante

Ser belo é ser indulgente.

Ser feio é ser julgador.

Ser belo é ser amor,

Ser feio é ser amor egoísta.

Ser belo é ser humilde.

Ser feio é ser presunçoso.

 

Na maturidade o ser belo e o ser feio transparecem o ser belo e o ser feio do espírito, moldado pelos ser belo e ser feio praticados pela vida. Porque esteticamente, a juventude é bela e a velhice é feia e o amor não tem idade e é a cada dia mais, um ser belo de ser...

 



Escrito por Hilda às 23h28
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 

Onde Estou

BRASIL, Sudeste, SANTOS, APARECIDA, Mulher



UOL
Histórico


Outros sites
 UOL - O melhor Conteúdo
 BOL o email grátis
 A BUSCA
 A FOTOGRAFIA
 Arca Literária ~ Download de Livros
 ART & DESIGN
 DE CARA PRA LUA
 MULHERES DE PRETO
 POR ENTRE PÉTALAS
 POR UM FIO
 SOLTA NO MUNDO
 UM POEMA DE VEZ EM QUANDO